Cinco habilidades para fortalecer sua prática de coaching


Cultura e Liderança
Lex Schroeder - 28/03/2014

Lex Schroeder

O sistema de aprendizagem lean acontece na prática, com novos comportamentos da liderança que desenvolvem as capacidades de ajudar os outros na resolução de problemas e que é capaz de engajar as pessoas ativamente para melhorar seus trabalhos e o trabalho da organização.

Reunimos cinco dicas/habilidades de coaching e a pessoa que sugeriu em artigos recentes que você pode incorporar no seu dia-a-dia.

Encoraje os questionamentos e ideias diferentes das suas (Margie Hagene)

“Nós podemos desenvolver uma conversa defendendo nossas próprias ideias e opiniões e o que acreditamos serem soluções a nossos problemas (ou um problema organizacional) ou podemos iniciar um diálogo verdadeiro permitindo que se questione as nossas próprias idéias e opiniões.

Nós preferimos a segunda opção e a escolhemos quando fazemos perguntas que nos ajudam a focar no trabalho e ajudam a pessoas responsáveis por resolver o problema a entender onde nos encontramos no processo de resolução de problemas. Por exemplo, abaixo estão algumas perguntas que devemos fazer enquanto coaches:

  • Qual problema você está tentando resolver?
  • Como você descreveria o que está acontecendo e o que deveria acontecer?
  • Para onde você olhou ou o que você ouviu?
  • O que lhe garante que você tem a ligação causa/efeito?
  • O que você achou de tentar?
  • Que impacto você espera que essa contra medida tenha?”

Troque a liderança heroica pela resolução de problemas (Josh Howell)

“Eu vejo essa cena acontecendo várias vezes. Gerentes e colaboradores da linha de frente forçam os outros a trabalharem com os problemas resultantes de sistemas de trabalho mal projetados (se é que é justificável utilizar as palavras ‘projeto’ e ‘sistema’) e com tanto orgulho! Todos nós gostamos de ser heróis, eu acho. Eu com certeza gostava. Sabendo o que sei agora, entretanto... essa cena parte meu coração. Porque há, com certeza, uma maneira melhor!”.

Respeite as pessoas ao dar-lhes trabalhos desafiadores (Mark Reich)

“Como apoiamos o trabalho para que seja realizado? A principal motivação para a maioria das pessoas não é dinheiro, promoção ou flexibilidade; é a habilidade de cada pessoa de sentir que está desempenhando um trabalho significativo e desafiador. É por isso que distribuir aumentos e promoções é, no máximo, uma solução em curto prazo. Assim como esteroides (uma injeção rápida para aumentar o desempenho), o estimulo desaparece, e precisamos de outra dose para manter o ritmo. É claro que as pessoas querem ser recompensadas e reconhecidas por seus esforços, mas esses não são os principais motivadores para a maioria das pessoas.

A gestão de toda organização deve fazer a pergunta: “como posso criar uma capacitação e motivação fortes e sustentáveis para a organização através do desenvolvimento da capacidade de cada membro da equipe?”.

Faça perguntas efetivas (Tracey Richardson)

“Em muitos casos, eu posso saber a resposta ou pensar que sei a resposta a uma pergunta que estou fazendo ou saber o que quero que o aprendiz faça, mas o que preciso fazer é transferir o poder a eles pedindo-lhes para pensarem comigo, ajudando-os a perceber que preciso deles e de suas ideias.Se eles pensam que tenho todas as respostas, é exatamente o oposto que queremos fazer... Um bom coaching é baseado em fazer as perguntas certas de uma maneira convidativa. O aprendiz deve sentir que sua opinião como especialista é necessária, já que eles são o dono do processo. Depende de mim criar esse ambiente. Fazer as perguntas certas é a chave para construir um relacionamento de confiança e respeito mútuos”.

Utilize o pensamento A3 para contar uma história que todos entendam (John Shook)

“O processo A3 é uma ajuda ao trabalho para engajar e desenvolver pessoas que desenvolverão problemas... É sobre ensinar a todos como contar sua história do problema em um pedaço de papel. E, contando essa história, seremos capazes de engajar outros para termos uma visão alinhada de qual é a situação atual. E isso tornará mais fácil para mim, como um coach, fazer as perguntas certas... O pedaço de papel que conta uma história é uma visão geral do que está acontecendo na mente do dono/aprendiz do A3”.


Clique aqui para baixar este artigo em PDF.


Faça seu comentário abaixo.
Eventos
05 06 JUN
Lean Summit 2018                                 
Expo Center Norte
São Paulo - SP
Artigos
 
– James Womack
Publicações
 
– John Shook